Como será o transporte de animais nos lotações de Porto Alegre.
27/04/2015


Maio pode ser marcado como o mês em que cães e gatos poderão ser passageiros de ônibus e lotações em Porto Alegre. Um projeto de lei, criado pela prefeitura, foi aprovado na Câmara de Vereadores em 8 de abril e deve chegar ao gabinete do prefeito para sanção nos próximos dias. A previsão é de que a novidade vire lei em até 15 dias depois.

Se entrar em vigor, cães e gatos de até 10 quilos poderão ser transportados em caixas específicas para esse fim. Mas é preciso seguir algumas regras: se latir, fizer cocô ou xixi, ou vomitar, mesmo que dentro da caixa, o dono terá de descer na próxima parada.

Além disso, quem leva o animal deve portar o cartão de vacinação do pet com, pelo menos, os tipos antirrábicos e polivalentes em dia. O motorista pode se recusar a levar o bichinho se o documento não estiver em mãos ou atualizado.

O pagamento ou não de tarifa dos animais é uma decisão da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC).

— Os animais não pagarão passagem para andar nos ônibus e lotações desde que sejam levados no colo dos seus donos. Eles não poderão ocupar um assento — diz Vanderlei Cappellari, diretor-presidente da EPTC.

Projeto de lei determina horário em que animais podem transitar nos coletivos

O projeto de lei que espera a assinatura do prefeito José Fortunati prevê que apenas quatro animais podem ser transportados por vez. Se passar desse número, o motorista deve explicar ao passageiro que deve aguardar o próximo veículo. Há restrições quanto ao horário também: os animais só podem ser transportados entre 10h e 16h e das 21h  às 6h.


Veja como deve ser a caixa para levar seu pet nos ônibus, lotações e táxis da Capital

 

Fonte: Zero Hora
http://zh.clicrbs.com.br/rs/




Voltar para a página de notícias

 

Porto Alegre - RS Fone (51) 3233-8222 - atl@atlpoa.com.br


Projeto Quatrocom - Desenvolvimento Webbureau